UFSJ e UFJF se unem em V Congresso Internacional Sobre Drogas

Campus Dom Bosco, da UFSJ, será palco para discussões acerca das questões das drogas

Evento irá ocorrer
Evento irá ocorrer entre os dias 5 e 7 de novembro

Entre os dias 5 a 7 de novembro, a atenção ao problema das drogas une duas das principais instituições educacionais mineiras. A Universidade Federal de São João del-Rei e a Universidade Federal de Juiz de Fora trabalham lado a lado na realização do V Congresso Internacional de Drogas, assim como também no II Seminário de Pesquisa e Extensão em Álcool e Drogas. Os eventos serão realizados, simultaneamente, no Campus Dom Bosco, da UFSJ em São João del-Rei.

Segundo a Assessoria de Comunicação da Universidade são-joanense, o evento contempla a temática de Drogas e Direitos Humanos considerando a multiplicidade e amplitude de aspectos da área. A organização ficou a cargo de grupos do campo da psicologia: o programa de extensão Eiras e Beiras: Atenção Psicossocial em Álcool e Drogas, da UFSJ e o Centro de Referência em Pesquisa, Intervenção e Avaliação em Álcool e Outras Drogas (CREPEIA), da UFJF.

“Mesmo com o grande número de participantes e trabalhos inscritos que atingimos, desde o início a nossa intenção foi de buscar viabilizar um Congresso que criasse um ambiente propício para o intercâmbio técnico-científico no campo”, explica o professor Marcelo Dalla Vecchia do Eiras e Beiras.

“Questões como a população em situação de rua, a política criminal sobre drogas, a internação compulsória de usuários de drogas e a descriminalização da maconha vêm ganhando visibilidade tanto na sociedade quanto no âmbito acadêmico”, completa.

Para o professor, antes mesmo de suas estreias, os eventos já são considerados bem sucedidos. “Fomos surpreendidos com uma busca muito maior do que a prevista inicialmente, e estamos hoje com mais de 700 inscrições confirmadas de praticamente todos os estados do país, além do Chile, Argentina e Espanha”, revela Marcelo, ainda alerta que as inscrições estão interrompidas: “Tínhamos como meta inicial em torno de 450 inscrições, e a inscrição de 150 trabalhos, mas conseguimos uma estrutura suplementar de tendas para dar conta de alocar os participantes que excederam o número de inscritos inicialmente previsto.”

O professor Dr. Telmo Ronzani, coordenador do CREPEIA, também comenta sobre suas expectativas: “Conseguimos uma programação de alta qualidade. Uma grande adesão de participantes, bem maior do que nossa capacidade de infraestrutura planejada, trabalhos enviados de várias partes do país e até do exterior, uma programação cultural riquíssima. Portanto, acho que teremos um evento de alta qualidade acadêmica e política. Em especial sobre direitos humanos, tema muitas vezes negligenciado na área.”

Telmo ainda fala sobre a importância de um evento como esse para a região: “É muito importante, pois inicialmente temos a oportunidade de mostrar o trabalho que desenvolvemos aqui. Por exemplo, temos duas universidades altamente atuantes nesse tema e muitas vezes não há o conhecimento ou reconhecimento do nosso trabalho. Outro ponto é trazer para a região uma discussão diferenciada, que pode reforçar as ações sobre a temática.”

Na programação se destacam as participações de Brian Rush, professor do departamento de psiquiatria da University of Toronto; Pedro Paulo Gastalho de Bicalho, coordenador de Pós-Graduação em Psicologia na UFRJ e Antonio Nery Filho, fundador do Centro de Estudos e Terapia do Abuso de Drogas. A programação completa pode ser conferida clicando aqui

TEXTO/VAN: LUCAS MARANHÃO

FOTO: DIVULGAÇÃO

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.